Selos proibidos nas exposições da Federação Internacional de Filatelia

Documento preparado por Richard Gratton secretário da Comissão de Selos Falsos da Federação Internacional de Filatelia e divulgado em 24 de outubro de 2016 na Exposição de Taipei.  O documento, amplamente ilustrado, contém os regulamentos e exemplos de selos proibidos, ilegais ou de emissões abusivas que não devem ser utilizados em coleções de exposição.

A história das ferrovias através dos selos

Livreto lançado por ocasião do 21º aniversário de fundação da RFFSA Rede Ferroviária Federal S/A, no Rio de Janeiro, em 1978. Apresentado como escrito na introdução: exposição fotográfica de selos sobre ferrovias, suas origens, desenvolvimento e atualidade.

Não há menção, no livreto, de direitos autorais, mas de qualquer forma, caso haja qualquer comunicação para retirada do site, será retirado, já que não há interesse em se manter qualquer publicação de maneira ilegal.

E-book “Top 20 rarest stamps”

Editado pelo site http://www.sevenstamps.com , este E-book é bastante interessante, pois traz a história das vinte maiores raridades em filatelia, com textos e imagens de excelente diagramação e qualidade.

Tenho este E-book na minha pasta particular em casa, e por orientação do seu escritor, para obter o link do download é necessário assinar sua newsletter. Clique em:

Jogos Olímpicos Especiais, por Andreia Gatti

Andreia Gatti é uma jovem fisioterapeuta de Itu, aficcionada por Filatelia (andreiamgatti@gmail.com). Após assistir a palestra minha na SPP, Sociedade Filatélica Paulista entrou em contato comigo e repassou dois trabalhos seus, sendo uma explicação sobre a importância que a fisioterapia e reabilitação tiveram sobre a criação dos Jogos Paralímpicos e outro sobre os Jogos Paralímpicos na Filatelia.

Eu, como ortopedista velho que sou, sei da importância da Fisioterapia e Reabilitação no tratamento do paciente com qualquer tipo de deficiência, que, quanto pior, mais vai depender deste trabalho maravilhoso dos fisioterapeutas.

O trabalho dela servirá para mim como base para a montagem da coleção sobre Deficiência Intelectual na Filatelia.

Lista das Agências de Correio da Inglaterra e País de Gales

A Inglaterra é um país fascinante para montar uma coleção de selos. Imaginem-se as possibilidades: “O Império aonde o Sol nunca se põe”, ex-colônias, protetorados, agências de correio, reino unido, e ainda pranchas e variações de cor.

E quem nunca se deparou com um selo com um carimbo de barras com um número no centro e ficou se perguntando o que isto  significava?

s-l1600

Tive este problema e fui ajudado por um amigo, Dr.Walter Harris, escocês que me enviou a Tabela com todos os números de agências de correio da Inglaterra e País de Gales e que compartilho com os colegas filatelistas.

Não encontramos nenhuma referência a direitos autorais, mas caso existam basta me comunicar que imediatamente será retirada. Por ora servirá de referência aos colecionadores de selos da Inglaterra e aos colecionadores de História Postal.

ENGLAND AND WALES POST OFFICE NUMERALS ALPHABETICAL ORDER

Pequeno Dicionário Filatélico, de Ulrich Schierz

Uma boa compilação de termos filatélicos com base no Dicionário de Filatelia de Ana Lúcia Loureiro Sampaio, com acréscimo de termos e imagens. Obra indispensável para filatelistas iniciantes e experientes. A publicação é free, podendo ser copiada e utilizada livremente.

 

Glossário de Cores, de Ulrich Schierz

Guia para comparação das cores dos selos preparado pelo filatelista Ulrich Schierz, publicação free bastante interessante. Este tipo de publicação é difícil de se encontrar no Brasil. Como sugestão, a orientação é de que seja sempre impressa em papel couché brilhante para alcançar qualidade ideal de fidelidade e somente na parte da frente do papel. Todo o trabalho está em formato A 5.

A visibilidade das religiões nos selos postais comemorativos brasileiros do século XX

Trabalho de Karla Patriota Bronsztein (1) e Diego Andrés Salcedo (2), sob Licença Creative Commons, analisa a forma pela qual as religiões são ilustradas nos selos postais comemorativos brasileiros.

Artigo submetido em 16 de setembro de 2011 e aprovado em 13 de março de 2012.
(1) Doutora em Sociologia pela UFPE. professora adjunta do curso de Publicidade e Propaganda da
Univesidade Federal de Pernambuco e do Pós-Graduação em Comunicação da UFPE. PAÍS.
E-mail: k.patriota@gmail.com
(2) Mestre e Douturando em Comunicação pela UFPE. Professor no Departamento de Ciências da Informação/UFPE
E-MAIL: salcedo.da@gmail.com

Compilação dos Selos Regulares do Brasil, por Rosa Angulo

Uma compilação interessante e muito útil na hora de separarmos os selos ordinários do baú de coisas. Não vale a pena passar todos os selos na Benzina, medir denteação ou papel se os selos não tiverem algum valor para nossas coleções.

A coluna de valores está atualizada até 2015, o suficiente para sabermos quais selos devem ser expertizados. O que sobrar vira pacotaria ou presente para iniciantes (assim como nós já fomos e buscávamos desesperadamente completar uma série qualquer dos regulares).

O trabalho envolve as séries Vovó e Netinha. A série Bisneta tem um problema sério de classificação por cores aonde encontramos alguns problemas: nem todos enxergam as mesmas cores com a mesma intensidade, além de não termos um catálogo de cores comparativo.

Arquivo em Excel que permite alterações e anotações:
Regulares-Compilação-RSA-Vovó e netinha

Arquivo em PDF para imprimir, carregar no tablet ou celular:
Regulares-Compilação-RSA-Vovó e netinha